24 abril 2010

SY @ Porto 2010.04.23 (12)

U

4 comentários:

AR disse...

=D
fantabuloso!
e como gosto de dizer..pure awesomeness!

Nuno disse...

tocar assim, atingir aquele estado em palco, agora: depois de os ter em visto em Lisboa em 93, classificaram o hiato de anos num espaço contido no interior de um vaso sanguíneo: estreito mas sem dimensão aquilo que transporta: eu sempre soube que eram únicos. atenção, que depois do que assisti continuo a achar que os espanhóis têm uma sorte do caraças!

Zorze Zorzinelis disse...

Descomprimir quando se gosta tanto de alguma coisa é difícil, não é? Já tive alguns momentos assim!

Nuno disse...

ya :)
agora já tenho umas palavras (espero que não sejam demais)